15 de setembro de 2009

Patrick Swayze morre aos 57 anos

"O actor Patrick Swayze morreu aos 57 anos, vítima de complicações com um cancro no pâncreas, descoberto em Fevereiro de 2008.
Na hora da morte, estava acompanhado da sua família e muito tranquilo, disse o assessor de imprensa, Annett Wolf. «Patrick morreu em paz hoje, ao lado da sua família, depois de enfrentar os desafios da doença durante os últimos 20 meses», disse o assessor à revista People.

(...)

Apesar de debilitado, Swayze não desistiu de representar tendo rodado alguns episódios da série «The Beast», onde interpretava o veterano agente do FBI, Charles Barker.

Patrick Swayze estreou-se nos cinemas em 1979, depois de ter se arriscado em diversas profissões, entre elas ginasta, violinista e dançarino de ballet clássico, uma das suas grandes paixões. O seu primeiro grande êxito surgiu com «Dirty Dancing - Dança Comigo» (1987), em que criou uma nova febre americana: a da dança de salão.

Pelo papel, Swayze foi nomeado para os Globos de Ouro e chegou a ser comparado com Marlon Brando e James Dean. No entanto, Swayze tornar-se-ia uma estrela mundial com a obra seguinte, «Ghost - Do Outro Lado da Vida».

O fenómeno de bilheterias fez de Swayze um galã, tornando-se não só um dos actores mais requisitados nas capas de revistas de todo o mundo, como também nas telas dos cinemas. Um ano depois, ganharia o título de Homem mais Sexy do Ano para a revista People, o mais respeitado do género.

Embora não tenha voltado a atingir semelhante destaque, Swayze ainda faria parte de produções de peso, como Donnie Darko e Cartas de um Assassino, entre outros. Alguns anos antes de ficar doente, Swayze mudou-se com a mulher Lisa Niemi, com quem era casado desde 1975, para um rancho de cinco hectares nas Montanhas de São Gabriel, próximas de Los Angeles, onde gostava de passar o tempo a andar a cavalos.

in
Disco Digital

2 comentários:

pioio disse...

Bolas... não sabia... fico triste pois gostava bastante do actor! Infelizmente a doença venceu-o...

Uma perda...

maripoza disse...

:( ainda que previsível.. é sempre uma perda a lamentar :(